Saturday, October 25, 2008

dadedadedade...


Saudade legítima. Vontade de estar naquele escurinho avermelhado ouvindo o público chegar. Perder no esconde esconde (nunca ganho). Fazer sorrir, chorar, envolver. Me emocionar contemplando. Estar de mãos dadas. Olhar no olho. Brigar. Encher bexigas. Estressar. Ouvir Tom Zé. Sentir frio na barriga. Fazer parte de algo que me move, com pessoas que me movem.

saudadedadedade....

2 comments:

Lu Holanda said...

tb tô. valeu até um dadedadedade2.
bjs

Daniel Olivetto said...

ai eu tb numa saudade de atuar com mais gente... sempre bom alguem pra dividir o frio na barriga...

beijo grande